Olá Viajantes SEM FRESCURA, mochileiros e amantes da natureza!

Gostam de variar sua viagem com trilhas, museu ao céu aberto, praia, um pouco de cultura e uma culinária maravilhosa? Então conheçam Portugal como nós conhecemos!

Ficamos 23dias e todos os dias fizemos coisas diferentes.
Vou contar resumidamente por onde passamos e depois vou postar detalhes de cada cidade individualmente, ok?

Mapa Portugal

Norte:

Comecei pelo norte, no Parque Nacional Peneda Geres.

É uma região montanhosa, com muitas trilhas seguras e bem sinalizadas. Além disso tem diversão aos amantes de esportes aquáticos e também Termas para quem quiser simplesmente relaxar na região. Ou seja, agrada todos os gostos!

Fiquei 3dias, sem contar os dias de viagem, mas ficaria 4dias se pudesse.

Para mais detalhes, veja o post o Parque.

 

Arquipélogo de Açores:

Saindo do Norte, fomos para o arquipélogo Açores, na ilha de São Miguel. É uma região com fauna e flora extremamente rica, então imagine quantas coisas tem para fazer.

Região vulcânica com lagos lindos, trilhas, piscinas termais naturais no meio do mar, contato pertinho com as furnas, passeios para ver baleias, além de atividades nas outras ilhas de Açores!

Fiquei 4dias+dias de viagem, e achei suficiente por ser uma região cara…

DICA: vá entre Maio à Setembro, pois há menos chuvas.

Veja também post com mais detalhes sobre Açores clicando aqui.

 

Centro de Portugal:

De volta ao continente, fomos para o interior leste, Resguengo de Monsaraz.

Quase divisa com a Espanha, você tem um museu ao céu aberto, a cidade-castelo de Monsaraz.

Além disso, é possível fazer trilhas noturnas com observações do céu e um passeio de barco com direito à iluminação natural das estrelas!

DICA: Vá na Primavera (Abril-Junho) ou Verão (Set-Out), época sem chuva. Dois dias é ideal.

Quer saber de mais detalhes? Veja o post “Monsaraz, a terra medieval do azeite“.

 

Costa Oeste:

Fomos para o litoral sudoeste em Odeceixe e Alzejur para fazer algumas trilhas da “Rota Vicentina“.  Para quem não conhece, a “Rota Vicentina” percorre sudoeste do país com 400kms de trilhas, bem sinalizadas e seguras, que misturam o visual do campo e da praia. As cidades são apenas passagem para as trilhas, portanto o tempo, depende de qual trilha você vai fazer.

Confira no post “Gostinho da Rota Vicentina” dicas e detalhes dessa aventura.

 

Litoral Sul:

Finalizamos no litoral sul, onde tem as praias mais lindas de Portugal! Nos hospedamos em Lagos para curtir as praias de Piedade, Praia do Camilo e Praia Dona Ana.

Ainda no litoral sul, seguimos para Carvoeiro, para curtir a Praia de Benagil, Praia da Marinha.

Além disso, fizemos a trilha dos “Sete Vales Suspensos”. São 14kms beirando as falésias, passando por cima dos algarves, parando nas praias do percurso e vendo os golfinhos no mar… super-recomendo!

Fiquei 3dias em Lagos e 3dias em Carvoeiro e achei ideal.

Como fiz com o TRANSPORTE? (economize!)

A malha ferroviária é excelente! Cobre toda a costa oeste e litoral sul.

Porém se você tiver companhia para dividir a conta, compensa alugar um carro, pois os trens não são tão baratos assim… indico a Inter Rent, que cobram apenas $6 euros/dia +um tanque de gasolina e você entrega com tanque vazio. Se você vai rodar muito, vale a pena!

Veja detalhes de como economizar no transporte “Portugal, economize alugando um carro”.

O que não fiz e gostaria de ter feito? (tomara que você consiga incluir no seu roteiro)

– ir para ilha Madeira
– fazer o passeio das baleias em São Miguel (não era época da passagem)
– termas natural e aberto na Espanha, saindo de Gerês (eu estava sem carro ainda)

Sites que me ajudaram muito nas pesquisas:

– https://www.visitportugal.com/
– http://pt.rotavicentina.com/
www.mochileiros.com
– além de inúmeros blogs

Aguardem os próximos capítulos detalhadinho!
Cada lugar é único e fiquei apaixonada pelas suas particularidades!

Deixe uma resposta